Prazo para vigor da Nova Lei da Proteção de Dados
0

Como investir em ICOs de forma adequada?

O ICO (initial coin offering) é o procedimento de lançamento de um token de criptomoeda. É estruturado na tecnologia Blockchain para maior segurança. E, via de regra, é uma forma de capitalização de recursos menos complexa. É, por exemplo, mais simples que o processo de IPO de ações em bolsa de valores.

O assunto é novo e possui muitos conceitos diferentes. Por conta disso, reunimos aqui algumas informações básicas sobre Como investir em ICO!

O que é o ICO e porque ele pode ser uma forma interessante de investimento?

O ICO é uma forma de levantamento de recursos feita por empresas, geralmente em estágio inicial (startups). Há diferentes tipos de Tokens e em algumas situações ele é parecido ao crowdfunding, porque é organizado de tal forma que uma quantidade grande de pessoas, com investimentos menores, possibilita que uma nova ideia seja desenvolvida, geralmente com o intuito de fazer essa ideia se tornar uma empresa no futuro.

Via de regra, o ICO possui um whitepaper descrevendo a ideia do projeto a ser desenvolvido com os fundos levantados e uma meta mínima de viabilização desse projeto. Esse desenvolvimento passa a ser feito caso a meta de financiamento do ICO seja atingida e a quantia de investimento que você faz é revertida em um token. O token é quase como se fosse um certificado de propriedade daquele novo ativo digital e pode dar ao seu titular direitos diferentes, como o direito de uso do Token para consumir o produto ou serviço da empresa no futuro (Utility Token) ou o direito de ter uma participação na empresa, similar à de ações da bolsa (Equity Token).

No caso do Equity Token, você está se tornando um tipo de sócio do projeto criado, ganhando em cima da estruturação dele. Uma das questões indispensáveis sobre descobrir em qual ICO você vai se envolver é a capacidade de entender quais são as funcionalidades, objetivos e como funciona. Não entendeu nada? Vamos explicar de forma mais fácil do que estamos falando.

O que são Blockchain e Token?

Entender esses 2 conceitos vai ser indispensável para aprender como investir em ICO, então é importante abordarmos o que eles são:

Blockchain: a espinha dorsal de qualquer ativo digital como as criptomoedas e os tokens. O blockchain é como se fosse um grande livro razão, onde são registradas as transações realizadas na rede, sendo que a própria rede precisa validar a operação para que ela realmente aconteça. Um blockchain é imutável e por isso é eficiente como uma forma de contabilidade para transações envolvendo ativos digitais.

Token: a unidade de valor dentro do blockchain. Desenvolve-se de uma forma extremamente específica, dependendo do objetivo do ICO. Pode ser encarado como uma ação de uma empresa ou uma quantidade X de valores dentro de um meio de pagamento, tudo dependendo do que foi proposto pelo ICO.

Como você pode perceber, os conceitos são ao mesmo tempo simples e amplos, então é importantíssimo entender que o ICO é uma forma de investimento de risco, mas que pode fazer com que você tenha grandes lucros no médio e longo prazo, assim como as ações de uma empresa negociadas em bolsa. Existem algumas formas de mitigar esse risco e fazer escolhas embasadas quando você vai investir em um ICO.

Como mitigar meus riscos e como investir em ICO?

Da mesma forma que qualquer outro investimento de risco, existem técnicas para aprender como investir em ICO. Elas fazem com que você tenha menos exposição ao trabalhar com esse tipo de investimento.

Vamos a elas:

  • Mantenha-se informado sobre o mercado! O número de ICOs está aumentando a cada dia. Em alguns países os valores investidos já superam os valores alocados em ações tradicionais. Mantenha-se informado e discuta muito com pessoas de confiança a respeito daquele ICO que você pretende investir.
  • Leia a documentação do ICO de forma exaustiva, e faça pesquisas por fora. Leia o whitepaper do ICO e entender o que vai ser realizado com o seu dinheiro. Essa é uma forma importante de proteger o seu investimento. Isso permite que você tenha ainda mais informação sobre a viabilidade e o potencial do projeto. Terá também ciência dos riscos envolvidos.
  • Verifique lastros e garantias: se você for um pouco mais conservador, existe a opção dos tokens atrelados a ativos reais. Eles tendem a ter menos flutuação de valor. Essa pode ser uma forma eficiente de expandir as suas possibilidades.
  • Lembre-se: esse investimento ainda é de risco! Antes de começar, estude o assunto e invista apenas aquele dinheiro que você pode perder. Evite grandes consequências para a sua vida financeira.

Quer saber mais sobre os ICOs e como eles podem fazer parte da sua estratégia empresarial? Entre em contato conosco!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top